domingo, 8 de abril de 2012

GURUPI VENCE TEC E CONQUISTA O 1º TURNO DO TOCANTINENSE

Com gols de Héder, Israel e Thiago Campos, o Gurupi venceu o Tocantinópolis por 3 a 1 - Bruno descontou de pênalti para o TEC - e conquistou o título do primeiro turno do Campeonato Tocantinense de Futebol Profissional do Tocantins.Com o título, o time do sul do estado está garantido na grande final, o que pode ser evitado se conquistar também o returno. Com poucos torcedores no Estádio Resendão, por conta do feriado prolongado que na cidade começou na quarta e pela chuva forte que caiu uma hora antes do jogo, o Gurupi entrou em campo com a vantagem do empate. E literalmente, jogou com o regulamento debaixo do braço.Jogando em casa, o time gurupiense entrou como a torcida queria, pressionando o TEC, chegando a ter domínio territorial, mas não teve e nem produziu perigo efetivo contra o gol do goleiro Pitanga.O time dominava, atacava, mas não finalizava, mas com essa postura inibia o ataque to verdão do norte. Mas aos poucos o time do TEC, que precisava do resultado positivo por qualquer placar, se soltou e foi o primeiro a ter grande chance de gol, com Evaldo Fuzuê, driblando o goleiro, mas com o zagueiro Wendel tirando de cima da risca. O outro lance de grande perigo de gol no primeiro tempo também foi do TEC, na cobrança de falta do zagueiro Bruno, que o atacante cabeceou no travessão de Santos, para alivio do time gurupiense. A nota triste do primeiro tempo foi a cotovelada do experiente jogador China aos 35 minutos, no ala esquerda Jalles, não restando outra coisa ao árbitro Adriano de Carvalho a não ser expulsar o volante merecidamente, embora o árbitro tenha sido condescendente com o zagueiro Wendel que fez falta violenta no principio do jogo no atacante tocantinopolino e foi apenas amarelado por Carvalho.No segundo tempo, quando se esperava um time mais audacioso, o Gurupi entrou recuado e com isso o TEC, ainda que com 10 jogadores jogou melhor até os 18 minutos, quando num lançamento para a área do TEC, o goleiro Pitanga ao dividir com Héder, pisou na "fruta" e furou possibilitando ao meia gurupiense bater na bola quase da linha de fundo, com a bola entrando mansamente no canto direito do goleiro, para desespero dos zagueiros que ainda tentaram salvar o lance.Mal deu tempo para o time se recuperar e Israel, que acabara de entrar, no seu segundo lance, recebeu na área e com uma jogada de corpo tirou o zagueiro e com tranquilidade esperou o goleiro sair e tocou para o gol, marcando o segundo do Camaleão do Sul. O TEC descontou aos aos 25 numa linda jogada de Renan, que tabelou com o atacante Evaldo e o zagueiro Rodrigo, em jogada infantil e quase na linha de fundo, aplicou um carrinho acertando Renan. Penalidade clara que Bruno cobrou no canto esquerdo de Santos, que desta vez nada conseguiu.Aos 35 minutos Lúcio recebe lançamento de Israel e toca para Thiago Campos chutar na saida de Pitanga e ampliar para 3 a 1 o placar para o time gurupiense. Dois minutos depois, Jalles entra em velocidade pela esquerda e o goleiro Pitanga sai do gol e faz falta na meia lua. Como Jalles era o último homem, Pitanga foi expulso e a falta não foi aproveitada pelo cobrador. A partir dai, com a torcida já comemorando a vitória e o título, os jogadores tocaram a bola até o apito final de Adriano de Carvalho e após receberem o troféu, entregue ao capitão Lúcio, fizeram a volta olímpica.
A renda foi de R$ 8.565,00 para um público pagante de 957, não pagantes 210, com público total de 1.167.
O Gurupi estreia no segundo turno no próximo sábado em casa contra o Tocantins e o
Tocantinópolis viaja até Guaraí para enfrentar o time da casa.
Na foto, os jogadores do Gurupi comemoram o título com os torcedores dentro do gramado do Resendão.  


Gil Correa.

1 comentários:

professorwilton disse...

Parabéns GURUPI E.C. por mais esta conquista, desejo a todos os jogadores e dirigentes muita sorte na continuidade do campeonato...
também a FTF quero deixar meu abraço a todos, e parabeniza-los pelo esforço para realização destes eventos. Em particular para meus amigos Leomar Quintanilha, José Wilson e Gasparino...detentores de orgulho para nós desportistas, em especial aos tocantinenses.

11 de abril de 2012 05:32

Postar um comentário